Monthly Archives: Janeiro 2013

Super 5 estrelas…

… a corrida de hoje.

Era para ter feito 10 kms ontem, mas com a chuva que estava, achei melhor “cancelar”.

Por isso, hoje, quando acordei (depois de uma noite com muita chuva e vento…) e vi que estava Sol, decidi equipar-me e fazer os 10 kms de ontem.

O Richard ofereceu-se para fazer de guia e depois de me explicar por onde correr, veio de carro, e “correu” ao meu lado. Foi mais, uma sessão de fotografias do que outra coisa. Está escolhido o “fotógrafo oficial”.

Foi muito engraçado correr aqui na cidade, por ruas completamente residenciais, passar pelas escolas (primária e secundária), pela biblioteca, bombeiros e “town hall”. Gostei especialmente de algumas casas, numa daquelas urbanizações de vivendas, iguais às que aparecem nos filmes. A clássica casa e garagem, sem vedação, com relva à volta. Super!

"Main Street"

“Main Street”

ImageImageImageImageImage

Eu e o "fotógrafo oficial"

Eu e o “fotógrafo oficial”

Richard, obrigado pelas indicações e pelas fotos.

Também gostei de usar a tshirt RB Running. Lembrei-me de todas as alegrias que tive a treinar e a correr como RB, e dos Amigos que por lá deixei. Um grande abraço para todos. Uma vez RB, sempre RB.

As pernas estão com poucos kms, por isso agora é recuperar e preparar tudo para, no próximo sábado, correr no “quintal” do Obama.

Até breve.

A Paula e o Richard vão patrocinar a …

… corrida no “quintal” do Obama, em Washington DC. 

Os 10 kms do próximo Sábado vão “valer” 100 Usd.

50 Usd (trf de 40€ já efectuada…) para a Raríssimas, em Portugal.

50 Usd para o Wounded Warrior Project, nos Estados Unidos.

Image

 

Por isso, aqui vai o meu “muito obrigado” à Paula & Richard (alem de me darem “abrigo” durante estes dias…) por esta generosa doação.

Até breve.

Obama, posso correr no teu “quintal”?

Esta era a pergunta que gostava de fazer ao “Mr. President”.

Como imagino que tenha mais que fazer do que falar com este corredor, e também porque não lhe quero estragar a relva, vou optar por, no próximo sábado, passar-lhe à porta a correr e tirar umas fotos.

Só para “mais tarde recordar”.

Image

Tempo de despedidas…

Não que eu goste muito do termo “despedida”, mas resume bem o que se passou ontem.

Depois do check-out do apartamento, foi tempo para as ultimas compras de recordações, visita turística (ao Top of the Rock… com uma super vista sobre Nova Iorque) e almoço com a “equipa”.

Beijinhos e abraços finais e a Rita, a Margarida e o Mano seguem para JFK.

Eu e o JC vamos para Newark (num expresso que estava parado no outro lado da rua, do depósito, onde tínhamos as malas guardadas. Rápido e barato.). Ele para voltar para Lisboa e eu para apanhar a boleia do Richard até casa dele.

Mais abraços e lá vamos nós para Washington, NJ (a 16 kms da Pensilvânia…).

Adorei passar a semana na companhia desta “equipa” espectacular. Obrigado por tudo.

130 milhões? claro que arrisquei uns "bucks"

130 milhões? claro que arrisquei uns “bucks”

A caminho de casa do Richard

A caminho de casa do Richard

Entretanto já sei que todos chegaram bem a Lisboa. Maravilha!

Até breve.

PS: zero nºs no Powerball. Mas também quem é que quer ser milionário??

-12 graus, mas uma promessa é …

… uma promessa.

E eu tinha prometido à Filomena (que fez uma doação à Associação Cantinho dos Animais de Beja) duas coisas. Correr 10 kms e (espero não estar a cometer uma inconfidência ao dizer isto…) tirar umas fotos de cães a passear no Central Park.

Mas sinceramente quando me levantei às 7 da manhã e vi que estavam -12 graus (real feel de … -18!!!) pensei em voltar para o quentinho da cama. Por isso, tratei de me equipar rapidamente (com toda a roupa de corrida que trouxe) e lá fui eu. Fiz uma pequena alteração ao combinado e fui logo a correr e de gps ligado, desde que saí de casa.

Sobre a corrida em si, lembro-me de 3 coisas: do frio, do frio e do frio.

Mas consegui tirar fotos, claro.

Sim, sou eu ...

Sim, sou eu …

ImageImage

Gelo nas sobrancelhas, nas pestanas ...

Gelo nas sobrancelhas, nas pestanas …

Importante foi que gostei muito da corrida e que a promessa ficou cumprida.

Até breve

 

Central Park, Domingo de manhã…

Acabado de chegar a NY, via Madrid, foi tempo de “arrumar” tudo e começar a preparar os próximos dias.

Mas sempre com a ideia na corrida que já estava “agendada” para o Central Park, no Domingo de manhã, pelas 9:00. É que já tinha combinado, por email, com o Nuno que íamos fazer o loop à volta do Central Park. Ainda para mais a Rita Mota tinha “patrocinado” estes 10 kms fazendo uma doação à Ajuda de Berço.

E como o prometido é devido, no Domingo, com Sol (mas frio…), lá fui até à entrada do Central Park que fica na esquina com o Columbus Circle. A ultima vez que ali tinha estado foi em 2009, a caminho da meta, a 1 de Novembro, em que completei, com enorme alegria, a minha primeira maratona. Foi por isso, com um misto de saudade e satisfação, que fui fazendo a caminhada entre o apartamento e o ponto de encontro.

Quando cheguei (poucos minutos depois da hora) já o Nuno lá estava, acompanhado do Sérgio. Apresentações rápidas, já que só conhecia o Nuno através dos emails que trocámos para combinar a corrida e não conhecia ainda o Sérgio, umas fotos para imortalizar o momento e lá fomos nós fazer uns kms.

Foto para mais tarde recordar

Foto para mais tarde recordar

... vamos por ali ...

… vamos por ali …

Paragem para foto

Paragem para foto

Subidas, descidas, muita conversa e os 10 kms ficaram feitos em 55 mins.

Algumas notas finais só para referir a beleza do Central Park, a quantidade enorme de pessoas a correr, andar de bicicleta e a passear com que nos cruzámos.

E por fim, um ENORME obrigado ao Nuno e ao Sérgio pela disponibilidade e simpatia que demonstraram. Foi um prazer ter-vos conhecido e ter podido correr convosco.

Até breve,

PS: Obrigado também à minha “equipa de apoio”, Mano, Margarida, Rita e João Carlos.

A última corrida está “reservada”.

O meu querido Irmão, Jorge Alves, decidiu doar 50€ ao Grupo Lobo e fez hoje a transferência do valor, para o NIB disponibilizado no site.

Image

Assim mesmo é que é, Mano. Escolher o “destinatário”, reunir os €uros, fazer a transferência e depois indicar-me quantos kms e onde devo correr.

Fez-me um pedido “especial”, mas que vou satisfazer com enorme agrado. Pediu-me para os últimos 5kms que eu corra, sejam para esta doação.

Gosto também do rácio €uros/Km (a que passarei a chamar de “poupa pernas”). 10 €uros por Km, é excelente.

Aliás, acredito que o Mano ainda vai ter de colaborar novamente nesta “empreitada”. Como? Parando 5 kms antes de minha casa, para eu seguir a correr,  no dia em que voltar e me vá buscar ao Aeroporto.

Até breve.